AMAVI Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí

segunda, 07 de outubro de 2013

Prefeitos recebem alerta sobre questões ambientais

Os prefeitos precisam criar urgentemente uma legislação específica que impeça aterrar áreas próximas às calhas primárias dos rios. O alerta foi feito pelo Promotor de Justiça Ambiental da região do Alto Vale do Itajaí, Ernani Dutra, durante assembleia geral da Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí- AMAVI, realizada na última sexta-feira (04/10). A preocupação é que esses locais que servem como reservatório natural em períodos de cheias agora estão sendo alterados de forma inconsequente e descontrolada, principalmente com a expansão imobiliária. Outro assunto abordado foi a questão do saneamento básico e o controle da qualidade da água fornecida pelas concessionárias, responsáveis pelo abastecimento.

Dutra destacou que em muitos municípios o próprio Plano Diretor já determina que os aterros dependem de licenciamento ambiental. No entanto, a matéria depende de regulamentação através de decreto, como é o caso de Rio do Sul, observou. O promotor de Justiça frisou que aterros nestas condições prejudicam interesse de toda a comunidade e que não pode ser privilegiado apenas os interesses do investidor, ainda que "ele seja parente, amigo ou tenha sido cabo eleitoral do prefeito". Ele frisou ainda, que qualquer ação ou obra que seja desenvolvida, como a sobrelevação das barragens, não terá o efeito desejado caso as margens dos rios continuem a ser aterradas.

Sobre a questão do saneamento básico e o controle da qualidade da água fornecida pelas concessionárias, Dutra colocou que Ministério Público de Santa Catarina tem desenvolvido ações para melhorar a situação. “Os prefeitos devem entender a importância de ser investido nesta área”.Dutra reconhece que os municípios não têm condições de implantar sem ajuda financeira das esferas estadual e federal, mas que deve ser iniciado o trabalho, mesmo que de forma gradual. Ele sugeriu que ao menos seja inserida na lei orçamentária do próximo ano, dotação para elaboração dos projetos. “Apesar da insistência não temos informações das ações efetivas por parte dos prefeitos da nossa região, mesmo diante das notícias em rede nacional sobre as péssimas condições de saneamento básico em nosso Estado”.

Durante a assembleia, os prefeitos deliberaram que a partir do próximo dia 21, a implantação do turno único, que deverá se estender até o final do horário de verão, em fevereiro de 2014. A proposta foi defendida pelo prefeito de Ituporanga, Arno Alex Zimmermann. Em Petrolândia a medida já vem sendo adotada há vários meses. De acordo com o prefeito Joel Longen, a economia é bastante significativa. Mas alguns não deverão adotar como é o caso de Taió. De acordo com Hugo Lembeck, com a enchente recente existem obras de recuperação da malha viária que precisam ser executadas com urgência.


Últimas notícias

23 de dezembro de 2021
Comunicado de férias
A Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí- AMAVI informa que não haverá expediente entre os dias 27 de dezembro de 2021 e 02 de janeiro de 2022. Neste período, os municípios que...

10 de dezembro de 2021
Prefeitos elegem diretoria da AMAVI 2022
O prefeito de Agrolândia, José Constante, vai presidir a Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí (AMAVI) a partir do mês de janeiro. A sua eleição deu-se por aclamação durante...

30 de novembro de 2021
Boletim regional da Covid 19
De acordo com dados divulgados pelas secretarias municipais de saúde da região, o Alto Vale do Itajaí registra 42.443 casos confirmados de Covid 19, sendo 41.709 recuperados e 636 óbitos. O...

10 de novembro de 2021
Prefeitos aprovam projeto de unificação dos consórcios intermunicipais
Em assembleia da AMAVI realizada na manhã de hoje, 10, a proposta de unificação dos consórcios CIS e CIM-AMAVI foi acatada pelos prefeitos. A junção das duas entidades permitirá otimização de...

05 de novembro de 2021
Programa de turismo rural desenvolvido no Alto Vale é apresentado em feira nacional
O programa de turismo no espaço rural desenvolvido pela assessoria de turismo e cultura da AMAVI, “Caminhos do Campo”, está em destaque na Festuris de Gramado-RS, uma das maiores feiras de...

26 de julho de 2021
Prefeitos conhecem trabalho desenvolvido na gestão dos resíduos sólidos no Médio Vale
Prefeitos do Alto Vale do Itajaí e técnicos dos municípios e da AMAVI realizaram na última sexta-feira, 23, visita técnica ao Parque Girassol – Sistema de Tratamento dos Resíduos Sólidos no...

28 de maio de 2021
Programas da Secretaria de Estado da Agricultura são discutidos em reunião da AMAVI
Os prefeitos e secretários municipais de agricultura do Alto Vale foram orientados sobre os programas de fomento agropecuário da Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do...

18 de maio de 2021
Nota de Pesar
É com profundo pesar, que a AMAVI recebe a notícia do falecimento do ex-governador e ex-senador Casildo Maldaner. Aos 79 anos, Casildo foi uma das maiores lideranças políticas do nosso Estado....

13 de maio de 2021
Representantes do Alto Vale buscam recursos para implantação do Parque de Processamento e Tratamento dos Resíduos sólidos
A presidente da AMAVI, prefeita Geovana Gessner, solicitou ao presidente da Fundação Nacional de Saúde- Funasa, Coronel Giovanne Gomes da Silva, a liberação de recursos para a...

AMAVI - Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí
CNPJ: 82.762.469/0001-22
Expediente: Segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 17h.
Fone: (47) 3531-4242 - Endereço: Rua XV de Novembro, nº 737, Centro, Rio do Sul/SC
CEP: 89160-015 - Email: amavi@amavi.org.br
Instagram
Ir para o topo

O portal da AMAVI utiliza alguns cookies para coletar dados estatísticos. Você pode aceitá-los ou não a seguir. Para mais informações, leia sobre nossos cookies na página de política de privacidade.